Pular para o conteúdo principal

As pessoas inventam cada coisa...


Tem gente que se apaixona pelo mistério por trás de um sorriso, pelo bolso farto que o cara tem ou pela bunda perfeita da mulher. Também pelo beijo ou a pegada. Eu, por outro lado, me apaixonei pelo seu gosto musical. Achei graça porque você ouvia exatamente as mesmas bandas que eu. Percebi quando tinha te encontrado pela quarta vez seguida em um show diferente. Minhas bandas preferidas e as suas também. No mínimo instigante, não acha? 

Depois me apaixonei pelo seu sotaque. Nunca antes eu tinha reparado no quão lindo é o sotaque do Sul do país. Poderia não falar nada e só ouvir a entonação engraçada que você dava em cada palavra. Logo em seguida, eu me apaixonei pelo seu jeito. Jeito distraído, meio “deixa acontecer”, nunca se importando com coisas que não devemos nos importar. Admirava o jeito como você não esquentava a cabeça, não entrava em parafuso – como eu normalmente fazia. Me apaixonei pelo seu guarda-roupa, afinal, quando eu não te achava lindo e muito bem vestido? 

Por fim, me apaixonei por falar de você. Eu simplesmente não conseguia ficar muito tempo sem tocar no teu nome em uma conversa. Adorava falar sobre todas as coisas que eu adorava em você. Era involuntário, na verdade. Foi quando me disseram que eu estava apaixonada por você, vê se pode? As pessoas inventam cada coisa... 

Comentários

  1. Gostei do post =) Se tiver um tempo, visita meus blogs, por favor?! Beijinhos! ->

    http://amomonsterhighbr.blogspot.com.br/
    http://everafterhighbylalacosta.blogspot.com.br/
    http://lala-mh-ecologico.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Que Lindo ><

    DÊ UMA PASSADINHA-> http://antesdosquinnzer.blogspot.com.br/
    Curtiu ? Segue lá ! Será muita bem vinda!
    Obs: Deixe o link do blog. Sigo todos os blogs de volta !

    ResponderExcluir
  3. Que lindo. Sabe que eu já me apaixonei por um carinha lá do Sul também? Rsrs'. É realmente instigante encontrar a mesma pessoa em quatro shows diferentes.
    http://doisquintos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Que lindo!! Gostei da sua forma simples de escrever conduziu-me levemente até o fim do texto com um toque de humor. Muito bom mesmo e gostoso de ler *-*

    Adolecentro

    ResponderExcluir
  5. Own, fofo com um toque de humor! Parabéns, o texto foi ótimo!! Daqui a pouco vai estar ali do lado, no gadget dos mais populares :D
    Ah, e eu sou do Sul kkkk
    Beijo
    doce mundo

    ResponderExcluir
  6. Uau cada texto lindo que tem aqui!

    Adorei o blog e estou seguindo! Se puder aguardo sua visita no meu!
    Beijinhos!

    http://cowford.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Que blog lindo, que layout lindo, que texto lindo <3

    ResponderExcluir
  8. Rs chega até a ser cômico seu texto... como é se apaixonar assim tão rapido? ;D

    ResponderExcluir
  9. Realmente, as pessoas tiram umas coisas do nada né?! Rs

    Muito bonito o texto, mesmo.

    Té mais...
    http://bmelo42.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Gostei do post o que me chama a atenção é o olhar, o cheiro(perfume) e o quanto a pessoa me faz sorrir em todos os momentos.

    http://enfimshakespeare.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Ótimo texto, gostei muito. Beijão <3

    www.detalhesamor.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. O texto ficou bem legal, e verdade, as pessoas inventam cada coisa... Mais enfim, linda, você esqueceu de mandar um texto para meu e-mail, para que eu possa postar no meu blog, ou você não quer mais, vamos conversar, entre em contato comigo: taynaerose@hotmail.com beijos :*

    Meu blog: http://pstayna.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Oii,
    Que absurdo isso que as pessoas disseram, né? hahaha
    Lindo texto, moça.
    (Acho que também me apaixonei primeiro pelo gosto musical do namorado... toca aqui o/)
    Beijo ;*

    ResponderExcluir
  14. Uma pessoa apaixonante é assim, tudo dela é pra se apaixonar! haha' Ótima Semana, beijos!

    Blog Paisagem de Janela
    paisagemdejanela.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  15. Como sempre, ótimos textos! Amo seu blog, amo! <3

    Beijos
    osdetalhesdeumavida.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. Realmente o ser humano não para de inventar =)
    Apaixonante seu texto.

    Aproveita e confere o Esmalte da Semana, ele é um dos clássicos da linha risqué.

    Beijinhos de luz =***

    Cllara Maranhão ʚɞ
    http://cllaramaranhao.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  17. Cada coisa absurda que inventam,não é? Fiquei indignada até,haha!! Adorei o texto,confesso que soltei uma risadinha no final!Parabéns.

    www.em-teusbracos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  18. Poxa será mesmo que as pessoas inventam? KK muito fofo e delicado o texto, amei (:

    http://nossoblogsecreto.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Que texto mais fofo, lindo mesmo!

    http://doceesconderijo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Ashausahs
    que delícia de paixão!
    Mas é assim mesmo, quando a gente menos perceber, e ainda acha que as pessoas estão inventando as coisas ashaushauhsa
    Amei teu texto, simples, meigo, e cheio de verdades *_*

    Identidade AleatórialFacebook

    ResponderExcluir
  21. Olá
    Vê se pode rs, depois de um texto desses, estar apaixonada é o mínimo rsrs
    É mto bom se apaixonar por cada detalhe da pessoa, mesmo as que vc julga estranha.
    Se apaixonar deste jeito é sempre bom.
    gde abrss
    Fernando
    Blog Fernu Fala II
    Twitter @fernu

    ResponderExcluir
  22. Nossa, já te disseram que você escreve muito bem?
    Lindo texto, e é sempre assim, às vezes pega a gente tão de surpresa que alguém tem que avisar que aconteceu: que a gente se apaixonou.

    ResponderExcluir
  23. Aihn que lindooooO!!!! A cada palavra que eu li parecia que eu estava vivendo junto com a historia!
    Ao meu ver, quando a gente fica apaixonada, são essas pequenas coisas que nos encantamos!
    Beijinhos!
    Jennifer
    http://queridamaiscafe.wordpress.com/

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Não tenha medo de amar.

Uma coisa que eu aprendi a não ter medo é de amar. Sabe, igual todas as meninas tem? Preferem crucificar os homens, postar textos do Caio Fernando Abreu no Facebook e fica oscilando entre fingir ter amor-próprio e gritar ao mundo o quanto está sofrendo por um babaca qualquer. Parece que é mais fácil reclamar do que mudar uma realidade. Do que arriscar novamente.

Azar do cara que te largou, que te trocou, que te fez sofrer. Bola para frente, ele não é o último homem da face terra e pensando pelo lado positivo, menos um idiota que encontrará pelo caminho. Sua chance de esbarrar com alguém bacana aumentou em alguns por centos, não vê?

Generalizar que todos os homens não valem nada, que a vida é injusta, que você nunca mais vai querer outro relacionamento, sinceramente, não vai adiantar de nada. Quando o amor chegar novamente, não vai ter como fugir e tendo essas besteiras como pensamento, só vai atrasar (ou até mesmo estragar) toda uma história que te estava reservada. Você vai ficar se …

Você sabe o que você quer?

Depois de muito tempo sendo apenas passageira, vivendo totalmente sem rumo e sem um lugar para voltar, eu preciso de algumas certezas. Coisa boba, do tipo, o que você quer no momento? Digo, comigo. Com a vida. Com o amor. Está tudo envolvido, espero que saiba. Tudo ligado, mas também facilmente desligado, se for necessário.
É que o seu jeito é uma junção de tudo que eu adoro, mas o meu jeito extrovertido é o que mais chama atenção em mim. O seu sorriso é lindo, mas o meu vive sendo elogiado também. Os seus olhos são claros e vivos, mas o meu são brilhosos e me revelam muito facilmente. Gosto do seu estilo e também do meu. A questão é que, todas essas coisas são superficiais ao mesmo tempo em que denunciam logo quando tem algo errado com a gente, já percebeu?
Não quero sofrer novamente. Não quero me fechar, não quero perder o meu sorriso, não quero que as lágrimas inundem o meu rosto e principalmente, não quero passar a voltar a usar moletom. E engordar, me afundar, embarangar. Prefiro e…

Obrigada por me fazer acreditar de novo.

Eu nunca fui medrosa, embora tenha sentido muito medo nos últimos meses. Medo de ser feliz de novo. Medo de me machucar mais uma vez. Medo de me fechar para o mundo e acabar me tornando mais uma dessas pessoas que só reclamam da vida. E o que eu mais senti, foi medo de deixar de acreditar nas pessoas e no amor.
E isso me destruía dia após dia. Ao mesmo tempo em que me sentia aliviada por achar que estava me protegendo naturalmente de novas decepções, não conseguia enxergar essa “nova eu” como a melhor saída. Afinal, existe algo mais triste que isso? Existe algum sentido em viver sem acreditar – seja lá no que for? Posso apostar que não!
Mas você me apareceu. E não foi amor à primeira vista, nem à segunda e desconfio que nem à vigésima vez. Foi muito mais bonito e entorpecente. Foi amor quando eu parei de olhar para trás. Foi amor quando eu queria te ver em um dia em que tudo estava dando errado para mim. Foi amor quando eu sorria ao receber uma mensagem sua de bom dia. Foi amor aos pouc…